MASP

Amedeo Modigliani

Retrato de Diego Rivera, 1916

  • Autor:
    Amedeo Modigliani
  • Dados biográficos:
    Livorno, Itália, 1884-Paris, França ,1920
  • Título:
    Retrato de Diego Rivera
  • Data da obra:
    1916
  • Técnica:
    Óleo sobre papel
  • Dimensões:
    100,2 x 81 x 3 cm
  • Aquisição:
    Doação Mario Dedini, 1952
  • Designação:
    Pintura
  • Número de inventário:
    MASP.00147
  • Créditos da fotografia:
    João Musa

TEXTOS


Por Nelson Aguilar
As personagens de Modigliani possuem um comportamento gótico, longilíneo, tal qual um girassol procurando as alturas, a fim de celebrar o heliotropismo, conforme se pode notar nos outros cinco retratos do acervo do Masp – Madame G. van Muyden, Renée, Chakoska, Retrato de Leopold Zborowski, Lumia Czcchwska. O Retrato de Diego Rivera infringe a regra, explodindo o formato em dois ritmos concêntricos que qualificam a figura exuberante do muralista mexicano. O artista se vale da técnica divisionista, multiplica as pinceladas, criando uma construção em vitral, elaborada em número de ouro. O quadro é tão inacabado quanto as aquarelas de Cézanne: o vazio presente na coloração ocre do papelão é incitado pelas correntes negras e prateadas e se torna território habitado pelo sentido gestual. O pintor, pela freqüentação com obras de artes milenares, possui profundo conhecimento do cerimonial. A abertura da Escola de Paris, diante da riqueza do que foi recalcado por toda a cultura acadêmica desde o Renascimento, permite reconhecer o culto solar, pré-colombiano, que Rivera iria reverenciar regressando ao país. Mais do que retrato, o óleo é a antecipação destinativa do modelo, operada tão-somente pela permeabilidade transcultural de Modigliani, aprendida com Brancusi, que iria impressionar também Tarsila do Amaral. Consultado pelo Masp, em 1953, Rivera declara que o quadro foi feito em seu ateliê, em Montparnasse.

— Nelson Aguilar, 1998


Fonte: Luiz Marques (org.), Catálogo do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand, São Paulo: MASP, 1998. (reedição, 2008).



Pesquise
no Acervo

Filtre sua busca